sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Radar Anti-Cristão: "A Bússola de Ouro"

***ATENÇÃO CRISTÃOS !!! ***

Conforme divulga Bill Donohue, presidente da Liga Católica Americana (em artigo de 5 de Outubro , também noticiado pela ACI Digital), o filme "A Bússola de Ouro" (The Goldem Compass) esconde as intenções atéias e anti-cristãs de seu criador, o escritor e ateísta declarado Philip Pullman.

"A Bússola de Ouro", primeiro livro da trilogia "Fronteiras do Universo" (cuja própria tradução portuguesa esconde o significado real da série - do Inglês "His Dark Materials" se lê: "Seus Materiais Sombrios") seria o mais "leve" e menos ofensivo dos três livros, sendo "The Subtle Knife" (A Faca Sutil) e "The Amber Spyglass" (A Luneta Ambar) mais diretos e anti-Cristãos.

O autor "mata Deus" (um dos personagens na série), e em entrevista a alguns anos disse: "Estou tentando abalar a base da crença Cristã".

O fato do primeiro ser menos ofensivo faz dele uma sutil mas perigosa porta de entrada para a série que nada mais quer que difundir os conceitos ateus a jovens e crianças (veja infeliz crítica favorável em importante livraria on-line brasileira que ignorantemente compara um ateu assumido com o Católico e renomado Tolkien - da série "O Senhor dos Anéis").

O que a liga Católica sugere e acredito ser uma ótima idéia, e o boicote desse filme e dos livros da série, pois tudo o que os Cristãos de hoje menos precisam é de mais uma série contra nossa Fé Cristã.

Não se enganem com falsas propagandas favoráveis, meus irmãos e irmãs. Infelizmente a famosa atriz Nicole Kidman e parte do elenco.

"Não vos deixeis enganar: Más companhias corrompem bons costumes". (1Cor 15,33)


3 comentários:

Pedro disse...

Gostaria de fazer um comentário à está postagem. Acredito que a fé cristã não deveria abalar diante deste livro, pois é apenas um livro, seja qual for a intenção do autor, não importa, cada um acredita no que quiser, não foi para isso que Deus nos deu o livre-arbítrio?
Bom, é isso, obrigado pela atenção.

dvalle27 disse...

Caro irmão,

A Fé Católica não se abala com nada que aconteça ou seja publicado. No entanto, a fé pessoal de cada indivíduo pode sim ser abalada por mentiras e trapaças, principalmente uma fé fraca que as pessoas tem hoje em dia nesse mundo secular.
Hoje é comum atacar a Igreja Católica, mas o mesmo "princípio" de livre arbítrio não e usado para criticar, por exemplo, muçulmanos ou judeus. Pare para pensar e reflita.
O livre arbítrio, assim como qualquer liberdade, acaba quando inicia a falta de respeito a crença de alguém - seja essa fé qual for.

Que Deus abençoe.

+++
Dani

Julia Margeti disse...

A igreja está achando que estamos na Idade Média ainda , onde ela pode dizer o que os fiéis devem ler ou assistir?
Se os fiéis gostassem de ter probição quanto a livros e filmes se tornariam numerário ou supernumarários do Opus Dei.
A bussola de Ouro mostra a realidade , mostra que a ICAR tenta dominar as pessoas, se não fosse assim não estaria proibindo que todos os fiéis assistissem o filme.Isso é medo de que as pessoas possam ver o que a Igreja não quer mostrar .